FOTO CINE CLUBE BANDEIRANTE

Rua Augusta,1108 - (011) 214 4234 - fotoclub.art.br - fccb desde 1939

F.C.C.B

cursos

projeto

história

associe-se

diretoria

o que é fotoclube

books 

fotos para casamentos


Informações e dicas

Tabela de revelação P/B

Fotografia Digital

Equipamentos

iluminação


Exposições/99   

FCCB 60 anos 

Tecnologia na arte

Fotopintura

Mostra de fotos em 360º

Res Derelictae


Outros Fotoclubes


Processos alternativos 

Cianotipia

Fotografia Stereo


Links 

arte,indústria e comércio 


Lojas 

Descontos para associados 


Laboratório 

profissional e digital 

Procolor


Equipamentos

T.Tanaka


Dê a sua opinião

Equipamentos

Para quem está começando a fotografar, recomendo a compra de dois tipos de câmeras fotográficas. O primeiro tipo é a câmera totalmente manual, é indicada a quem está estudando fotografia e deseja a aprender a manejar o equipamento manualmente, explorando todas as possibilidades.

Entre as câmeras manuais, recomendo a Pentax K1000 ou a Nikon FM2 ou FM10. Destas a Nikon FM2 é consideradas pelos fotógrafos profissionais uma das melhores do mundo. O outro tipo é a câmera auto-focus, que faz tudo automaticamente, fazendo que o fotógrafo fique dependendo das funções automatizadas.

As mais vendidas são da marca Canon (EOS 300 ou 500)ou Nikon (F90x,F4 ou F5). As Canon possuem um sistema de foco mais rápido e preciso e as Nikon possuem a vantagem de aceitar as lentes com foco manual para quem tinha cameras manuais como a FM2. Para as câmeras manuais um bom flash é o Vivitar 285, que possui boa potência e várias opções de automatização.

Para as Nikon o flash SB28 é potente, preciso e TTL(faz a fotometragem pela lente). Caso compre uma camera com lente zoom, uma sugestão é uma lente 28-80mm, ou 28-105mm. Existem lentes de fabricantes paralelos com boa qualidade, claras(abertura 2.8) que são mais baratas, como as lentes Vivitar series 1 ou Sigma aspherical. Para lentes fixas o ideal além da lente normal(50mm), é ter uma lente de 28mm(grande angular) para fotografar viagens e ambientes internos com pouco espaço, e uma macro 100mm, para fotografar objetos pequenos e fazer retratos.

Apesar da maioria dos fotógrafos sonharem com grandes teleobjetivas, é uma lente pouco usada, por causa da pequena abertura , da prática exigida, e da alta velocidade requerida para seu uso. Uma bolsa também é indicada. Uma boa marca é a Proteção Capas(nacional) ou a Tamrac(importada) para proteger seu equipamento em viagens.

Para quem gosta de filtros, o polarizador é indispensável, para aumentar o azul do céu e eliminar reflexos. Também mantenha acoplado em sua lente um filtro UV para proteger sua lentes de riscos, quando o filtro riscar é só trocar. Se sua lente riscar não tem mais jeito.

Renato Ortiz, fotógrafo (renatho@osite.com.br)

professor e associado ao FCCB